SBRH mantém posicionamento sobre o COVID-19 na reprodução humana.

Após reunião entre SBRH, SBRA, Pronúcleo e Anvisa, realizada na data de hoje 20/04/2020, tratando do tema “Atividades em Reprodução x Covid-19”, fica reiterado que:

Prevalece como orientação aos centros de Reprodução Humana, sobre o retorno das atividades, o exposto na NOTA TÉCNICA Nº 12/2020/SEI/GSTCO/DIRE1/ANVISA:

“…orienta o adiamento de qualquer tratamento de Reprodução Humana Assistida até que a situação no país, relativa à pandemia de Coronavírus, esteja controlada. Excetuam-se os casos oncológicos e outros em que o adiamento possa causar mais danos aos pacientes.”

Em consonância ao tratado nesta data, a SBRH mantém seu posicionamento de 17/03/2020, em que declara, excetuando casos oncológicos, que:
“…também devem postergar o início de qualquer tratamento para obtenção de uma gravidez até que a situação no país relativa ao COVID-19 esteja controlada.”

Estando todos cientes do dinamismo exigido pela situação epidemiológica e econômica na qual nos encontramos, este grupo de instituições se reunirá a cada 10 dias para reavaliar o quadro geral e atualizar seu posicionamento. A próxima reunião acontecerá em 30/04/2020.

Estamos juntos, trabalhando para garantir um retorno breve, responsável e sustentável de nossas atividades em todo o país.